segunda-feira, 7 de julho de 2008

Como são conseguidas alianças em Salvador e Feira de Santana

O Diário Oficial do Legislativo do fim de semana trouxe a exoneração de Pedro Alcântara da função de Diretor Legislativo e segundo o site BahiaJá, "Com essa atitude o deputado Tarcizio Pimenta deverá ingressar nesta segunda-feira, 7, com um pedido de licença para que Pedro Alcântara assuma seu lugar como deputado estadual do PR”.

Segundo ainda o site BahiaJá Tarcízio segue o mesmo exemplo do deputado Luis Carreira "para que Marcio Marinho, também do PR e candidato a vice de ACM Neto na Capital assumisse a função”.

Leia abaixo trechos das “Miudinhas da política” do Site Bahiajá, na íntegra, nos dias 05 e 04/07/08:

05/07/2008 - 22:23
PROVINCIAL CAPUCHINHOS DA BAHIA E SERGIPE VAI PARA FEIRA DE SANTANA

Miudinhas da política, da cidade do Salvador, da Bahia e globais:


1- Saiu no Diário Oficial do Legislativo neste final de semana a exoneração de Pedro Alcântara de Souza da função comissionada de Diretor Legislativo, símbolo FC07, contando a partir deste domingo. Com essa atitude, o deputado Tarcízio Pimenta (DEM) deverá ingressar nesta segunda-segunda feira, 7, com um pedido de licença para que Pedro assuma seu lugar como deputado estadual pelo PR.

2- Ao que tudo indica, Tarcízio vai usar o mesmo expediente utilizado pelo deputado federal Luis Carreira (DEM) para que Márcio Marinho (PR), candidato a vice na chapa de ACM Neto, na capital, assumisse a função. Ou seja, cinco dias de licença médica e mais 120 dias de licença efetiva, para não perder o mandato. Ainda assim, se isso ocorrer, ficará estranho para Tarcízio se ausentar da campanha de Feira, pelo menos por cinco dias da "doença".

3-Evidente que, tanto no caso de ACM Neto; quanto no caso de Tarcízio Pimenta lá adiante os seus adversários vão explorar essa burla constitucional.


POLíTICA
04/07/2008 - 20:05
DESCOBERTA FÓRMULA MÁGICA P/ BISPO E PEDRO ALCÂNTARA SEREM DEPUTADOS

Miudinhas da política, da cidade do Salvador, da Bahia e globais:

1. Foi descoberta a fórmula mágica arranjada que permitiu a assunção, na Câmara Federal, do bispo Márcio Marinho (PR) e tudo indica que vai viabilizar a de Pedro Alcântara (PR), na ALBA, nas mesmas circunstâncias. Trata-se, a rigor, de uma burla a lei e vai suscitar discussões no campo jurídico.

2. As duas Constituições (do Brasil e da Bahia) possuem dispositivos idênticos, que proíbem licenças por interesse particular superior a 120 dias e a convocação do suplente só é permitida decorrente de licença por tempo maior do daquele período. A solução foi Luis Carreira (DEM), inesperadamente, ter caído doente por cinco dias e tomado mais 120 dias por interesse particular.

3. A mesma coisa deverá ser conduzida por Tarcizio Pimenta (DEM), pedindo licenças médica e particular de iguais períodos, para que Pedro Alcântara (PR), assuma na ALBA. Este fato constitui numa burla grotesca ao espírito das ordens constitucionais vigentes que era evitar a barganha política com os mandatos legislativos, com a troca de favores entre titulares e suplentes.

4. Porém, não está descartada o surgimento "noticias criminis" ao MPE para barrar a manobra inovadora e de achincalhe com a ordem constituída baiana. Aliás, não foi por acaso que o doente Carreira estava escondido, em companhia de jornalista do Sul, num bar do Pelourinho esperando o cortejo do 2 de Julho passar. Também, o povo de Feira de Santana deve ficar atento para a doença de Tarcízio, no decorrer da campanha.

Um comentário:

Danilo Aguiar disse...

Pedir afastamento e fingir que tá doente para articular uma manobra infeliz e muito feia, Isso é uma afronta a inteligência do povo!